domingo, 31 de julho de 2011

As 5 expressões evangélicas mais sem sentido usadas nas Igrejas

Segue a lista de expressões que perderam (ou nunca tiveram) o sentido ao longo das experiências “cristãs” ensinadas pelas Igrejas.

5 – EXORTAR
Essa expressão é usada de modo equivocado em 100% das Igrejas. Segundo qualquer dicionário, exortar significa “animar, incentivar, estimular”. Logo, exortar o irmão que está em pecado na verdade não significa repreende-lo. Quem está vivendo no erro não precisa de um incentivo, mas de um auxílio.

4 – LEVITA
Essa morreu no Antigo Testamento. Os Levitas eram descendentes da Tribo de Levi, e eram encarregados de TODO O SERVIÇO no Templo. Mas Levita tem sido usado como sinônimo de músico. Besteira pura! Pra começar a música no serviço levítico era a menor das tarefas. A faxina, organização e carregar peso nas costas, isso sim era a parte mais importante do trabalho. Levando em conta que não somos judeus, não somos descendentes daquela tribo e também lembrando que o Templo não existe mais, então estamos dispensados do serviço levítico. Músico é músico. Ponto.

3 – PROFETA
Segundo a Bíblia, profeta é aquele que revela a vontade de Deus ao povo. Simples assim. Porém tornou-se comum considerar que profeta é uma espécie de adivinho. Heresia pura! Considerando que TODA A REVELAÇÃO está em Cristo Jesus e que o conhecimento acerca desta revelação está contida nas Escrituras, um profeta legítimo não deve adivinhar nada, mas proclamar de maneira compreensível as coisas que estão contidas na Palavra de Deus. Por isso Paulo afirma que o dom de profetizar é o dom mais excelente. E se você ainda paga pau bajula os adivinhos, lembre-se que ADIVINHAÇÃO é pecado.

2 – UNÇÃO
Como dizem por aí, UNS SÃO, outros NÃO SÃO. Agora falando sério… a expressão unção virou clichê na boca de crente. É unção disso, unção daquilo… tudo sempre buscando atender ao interesse economico; ou garantindo o controle das massas sob o pretexto de que UNÇÃO É PODER. Pra começar no Novo Testamento a palavra unção só é usada no sentido de afirmar que Cristo está em nós. Logo, ter unção é ter Cristo. Em todos os outros contextos, há ensinos explícitos sobre o ato de “ungir” pessoas, que seria orar com óleo, pedindo a Deus por curas específicas. Há algum poder neste óleo? Não mesmo. Mas é bom lembrar que no contexto bíblico, óleo também era considerado remédio para muitas doenças.

1 – ATO PROFÉTICO
Essa é a campeã da lista de heresias. Se sua igreja usa essa expressão, então a teologia por aí tem sido profundamente contaminada com valores neopentecostais. Pra começar não existe a expressão “ato profético” na Bíblia. Essa expressão surgiu na verdade como uma tentativa de disfarçar o conceito de podemos fazer coisas que “movem a mão de Deus” na direção de nossos desejos. Ou seja, heresia pura.

Meu conselho é… cuidado com as expressões. Por que as mínimas coisas podem revelar grandes besteiras. Vão com Deus!

Ops! Como alguém poderia ir “sem Deus”, se Deus é onipresente e está em todos lugares mesmo antes de eu pensar em me mover?

Texto inteligente e "subversivo" do Ariovaldo Jr

Casal processa Igreja Universal por cobrar cura que não aconteceu

A Igreja Universal do Reino de Deus da cidade de Nova Ponte, localizada no Triangulo Mineiro, será processada por uma família que foi supostamente enganada em relação a cura de seu filho que tem vários problemas de saúde. Os pais alegam que o pastor da IURD disse que eles precisavam participar da Fogueira Santa para que seu filho fosse curado, mas para poder participar eles precisavam doar bens materiais e dinheiro. “Teríamos de doar nossos bens mais valiosos como carro, jóias. Demos R$800 em dinheiro”, conta Wederson Reis da Silva, o pai da criança.

O casal tem um filho de 5 anos que nasceu prematuro e aos dois meses teve hidrocefalia, uma doença no cérebro. Depois ele contraiu meningite 5 vezes e acabou com paralisia cerebral. Apesar da oferta e da fé do casal, a cura da criança não aconteceu e agora a família está sem carro e sem dinheiro. Paola Amália Souza, diz que não tem como levar o filho ao médico porque não tinha carro e também não tinha dinheiro para pagar o aluguel. “Me sinto enganada”, desabafa.

O processo foi movido em 2009, mas a primeira audiência aconteceu no fórum de Nova Ponte na quinta-feira, 28, entre a família e representantes da IURD. O pastor que supostamente enganou esses pais, foi transferido de cidade.

O advogado da família, João Paulo Nunes, disse que vai pedir indenização por danos morais e a devolução dos bens doados à igreja. A igreja Universal mandou uma representante e um advogado de Belo Horizonte, mas nenhum deles quis gravar entrevista. A audiência durou quase duas horas. Testemunhas dois lados foram ouvidas.

__________________________________

Não é de hoje que essas igrejas que só sabem pregar prosperidade e cura destorem a vida de pessoas que, cegadas pelo desespero, acabam cedendo aos seus contos e promessas baratas (ou caras). Se trata de uma corja de ladrões e falsos profetas. 

Infelizmente, não são poucas as pessoas que não possuem senso crítico suficiente para identificar falcatruas quando elas se apresentam e, não poucas vezes, são as próprias pessoas que vão em busca desses curandeiros. Os dois lados são errados: Tanto os que oferecem o que não podem dar, quanto os que buscam bênçãos onde não vão encontrar.

sábado, 30 de julho de 2011

quinta-feira, 28 de julho de 2011

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Morreu John Stott, um dos grandes nomes do Cristianismo contemporâneo

Faleceu hoje, aos 90 anos, o Rev. John Stott, pastor anglicano que durante muito tempo serviu como capelão da Rainha da Inglaterra, Elizabeth II. Stott pertencia a chamada "Igreja Baixa", o ramo conservador e mais evangélico do Anglicanismo e de orientação teológica Reformada.

Me assustei com a notícia da morte de Stott. Ele é uma das minhas grandes referências como teólogo, além de ser considerado uma maiores pastores evangélicos de todos os tempos. Um líder excepcional, que me inspirou muito com seus livros e com a sua maneira simples e profunda de expor a Verdade de Deus.

Serviu como Presidente da All Souls Church, em Londres desde 1950. Estudou na Trinity College Cambrigde, onde se formou em primeiro lugar da classe tanto em francês como em teologia, e é Doutor honorário por varias universidades, na Inglaterra, nos Estados Unidos e no Canadá.

John Stott começou sua carreira como escritor em 1954, tendo escrito mais de 40 livros e centenas de artigos, entre outras contribuições. Entre os suas obras mais conhecidas figuram as seguintes: Cristianismo básico, Cristianismo equilibrado, Cristianismo autêntico, Crer é também pensar, A cruz de Cristo, Eu creio na pregação, O perfil do pregador e Ouça o Espírito, ouça o mundo.

Stott foi um dos principais autores do Pacto de Lausanne, em 1974, na Suíça. Em 2005, a revista Time classificou Stott entre as 100 pessoas mais influentes do mundo. Ele nunca se casou, optando pela vida celibatária, afirmando ser esta, um dom divino. O evangelista Billy Graham chamou John Stott de "o mais respeitável clérigo no mundo hoje"

Segundo o site da All Souls Church, Stott morreu em sua casa de repouso, em St. Barnabas College, cercado de amigos, lendo as Escrituras e ao som de "Messias", de Handel


John Stott, combateu o bom combate, completou a carreira e guardou a fé. Agora, ele está com o Senhor.


Televangelista americano faz oração poderosa que cancela dívidas, mas para recebê-la o fiel tem que pagar

Peter Popoff, televangelista famoso nos Estados Unidos está lançando uma nova “onda”: Se a pessoa fazer uma doação ao seu programa ele vai liberar o “poder” de livramento de dívidas apenas com oração. É isso mesmo! Igualzinho as Organizações Tabajara! Seus problemas acabaram!

Detalhe: Para receber essa oração o telespectador faz sua doação e recebe um kit de cancelamento de dívidas. “Estou dizendo a você que Deus ensina na Sua palavra que Ele quer cancelar, apagar, remover e destruir a sua dívida”, diz Popoff em um comercial na TV. Isso que é exejegue!

Popoff é alemão e ganhou destaque conduzindo uma cruzada nos Estados Unidos que combina espiritualidade e superação de vícios. Sua mansão em Upland (Califórnia) custa 4,5 milhões de dólares e ele também possuí outros imóveis.


Para Ole Anthony, presidente da Trinity Foundation, entidade que fiscaliza líderes religiosos, principalmente os televangelistas, o pastor Popoff é um enganador. “Ele é, fundamentalmente, um enganador. O cancelamento sobrenatural de dívidas é uma bobagem, sem qualquer embasamento bíblico”, disse.


_________________________________

Bem que aqui no Brasil poderia ser criada uma entidade como a Trinity Foundation. Estamos mesmo precisando de investigações em muitos "ministérios" milionários por aí.

Esse Popoff é um fanfarrão de marca maior! Um falso profeta que fica explorando a fé e o dinheiro das pessoas que se deixam persuadir por sua oratória. 

Não se assuste se daqui uns dias ele não aparecer em algum programa brasileiro com uma oferta dessas a preços populares.

Preso faz cova em páginas de Bíblia para esconder celular

Um celular foi encontrado dentro de uma Bíblia na cadeia de São Roque, no interior de São Paulo, nesta terça-feira (26). As páginas foram arrancadas para esconder o aparelho.

No total, a polícia apreendeu sete celulares, baterias e carregadores durante a revista de todas as celas. Os presos foram colocados no pátio e todas as bolsas e roupas, reviradas.

A cadeia de São Roque tem hoje 139 presos, mas a capacidade da unidade é para 48 homens.

Fonte: G1

_____________________________________

Na verdade, ele não arrancou as páginas. Ele fez uma cova nas páginas da Bíblia para acomodar o aparelho. O que será que ele queria? Fazer uma ligação direta com Deus?
Malandrinho esse detento não?

terça-feira, 26 de julho de 2011

"Profetisa" incentiva fieis a não tomarem remédios e diz que indústria farmacêutica é comandada por um demônio

A “profetisa” Ana Méndez Ferrell, do ministério Voice of The Light tem pregado contra a venda de remédios incentivando os cristãos a não mais consumi-los, pois, de acordo com ela, a indústria farmacêutica é  dominada por um demônio e por isso é a causadora da morte de milhões de pessoas no mundo.

Esse discurso gerou um  livro “Pharmakeia, o Assassino da Saúde” onde ela revela “a origem das enfermidades e como destruí-las com o poder de Jesus Cristo, além de ensinar como quebrar os laços com Pharmakeia e com as estruturas erguidas em sua mente e corpo para matá-lo”.

Ana Méndez é uma mexicana que mora nos Estados Unidos onde o livro foi lançado em 2009. Agora a controvérsia obra contra os remédios chega ao Brasil devido à popularidade dos outros livros da autora.

Ela que também é chamada de apóstola, avisa que a palavra Pharmakeia além de ser um demônio significa feitiçaria, em seu livro ela vai explicar os horrores cometidos pelos farmacêuticos os perigosos de se tomar os remédios produzidos por eles. Ela diz que em Jesus é onde encontramos a cura para as nossas enfermidades.

A resenha do livro diz que “12 milhões de pessoas morrem todos os anos devido aos efeitos colaterais de medicamentos prescritos de maneira legal. As empresas farmacêuticas são uma indústria que move trilhões de dólares anualmente e promovem a doença em vez da saúde, tudo com o intuito de ganhar dinheiro. Nunca na História as pessoas estiveram tão doentes quanto hoje. O consumo de remédios aumentou de dois comprimidos em média por pessoa em 1950 a 18 pílulas diárias em 2009. A morte devido a medicamentos é 10 vezes maior que a causada pelo uso de drogas ilegais. 30% dos pacientes em hospitais estão internados por causa de efeitos colaterais de remédios consumidos. Milhões de pessoas estão em cativeiro acreditando que a resposta para suas doenças está nos remédios”.

Eis um vídeo da "profetisa" e "apóstola" Ana Mendez:


____________________________________

Infelizmente ainda existem pessoas pregando absurdos como este pelo mundo à fora, e o pior, é que muita gente acredita nesse tipo de ensino, insano, irresponsável e completamente desprovido de base bíblica consistente. 

Antes que alguém me julgue cético quanto a milagres, quero dizer que eu creio piamente em milagres. Creio na operação sobrenatural de Deus na vida dos Seus servos nos dias de hoje, como obra de Sua bendita providência. 

Mas também creio que o mesmo Deus que "tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores" (Is 53.4) é o Deus que deixou os médicos e os medicamentos para que, através deles, o Seu poder também seja manifesto na restauração da nossa saúde. O apóstolo Paulo foi usado por Deus até para ressuscitar um morto (At 20.8-10), mas orientou Timóteo a tomar um pouco de vinho, como tratamento de um mal estomacal (1Tm 5.23). 

Deixar de usar uma medicação não é um ato de fé, mas de irresponsabilidade e desinteligência, além de ser uma tentação contra o Senhor. Até porque, as curas bíblicas eram sobre enfermidades incuráveis e sem nenhum tipo de tratamento eficaz (cegueira, lepra, tumores, etc).

Ateus americanos protestam contra cruz erguida em homenagem às vítimas do ataque terrorista de 11/09/2001

O memorial erguido em Nova York em homenagem às vítimas dos atentados contra as torres gêmeas do World Trade Center virou algo da Associação dos Ateus Americanos, como no local há uma cruz eles alegam ao tribunal que tal símbolo fere o direito constitucional americano que diz que o Estado é laico.

A ação judicial cita como réus o governador de Nova Jersey, Chris Christie, e o prefeito de Nova Iorque, Michael Bloomberg. O grupo de ateus pede que o monumento feito com vigas de aço seja demolido.

Dave Silverman, presidente da associação de ateus, disse que a cruz da WTC “é um ícone dos cristãos cujo Deus, acrescentou, nada fez para deter os fanáticos muçulmanos e impedir a morte de 3.000 pessoas.”  Ele também afirmou que o símbolo é um “entulho” e “ridículo”.

Neste ano grupos de ateus tem aberto diversos processos contra símbolos cristãos em partições públicas, desde a citação de Deus no hino americano, até símbolos em bandeiras de escolas públicas e nome de cidades.

A cruz que gerou protesto foi removida de uma igreja para o memorial no sábado, quando houve uma missa de benção pelo monge franciscano Brian Jordan.

Diante do protesto dos ateus, Joe Daniels, presidente do memorial, defendeu a presença ali da cruz por ser uma homenagem àqueles que morreram no ataque terrorista que no dia 11 de setembro completa 10 anos.

________________________________________

Esses ateus são mesmo uns à toas. Eles tem até uma certa lógica ao afirmarem a laicalidade do Estado, mas perdem a razão quando partem para a agressão com ataques desrespeitosos ao símbolo maior do Cristianismo. 

Discordar é uma coisa, e qualquer um pode discordar de qualquer coisa, desde que seja com um mínimo de educação e respeito, coisa que não vemos por parte dessa associação, que resolveu atacar tudo o que faz referência ao Cristianismo.

A oração que virou piada

Pr. Nelms e esposa

O Pr. Joe Nelms, de uma Igreja Batista da cidade de Lebanon, Teenessee, EUA, provocou  alvoroço com um oração feita antes de uma corrida da NASCAR. O pastor, em sua oração, agradeceu ao Senhor pelas...

“...máquinas poderosas, pelos Dodges, pelos Toyotas e pelos Fords, pela gasolina que será queimada, pelos patrocinadores, pela tecnologia desenvolvida pela GM, pelos motores RO7, pelos pneus da Goodyear e, principalmente, pelo Senhor ter me dado uma esposa tão gostosa e meus dois filhos Eli e Emma. Que os corredores possam fazer uma apresentação digna dessa pista em nome de Jesus, boogity, boogity, boogity, amém…”

Nem precisa dizer que, ao término da oração, foi uma risadaria só. Duvida? O vídeo esta aí para você conferir.




Mesmo estando em inglês, dá para rir com a reação dos pilotos e demais envolvidos na corrida. Surreal.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Expelimento de demônios via vômito, arrotos, tosses, flatulências e até jogada de futebol americano

A rede americana ABC apresentou recentemente, uma série de reportagens sobre igrejas evangélicas e exorcismo. O vídeo acima mostra a igreja Agape Bible Fellowship, em East Aurora, Nova York. O pastor orienta seu rebanho para se livrar de seus demônios, que ele diz que entram no corpo através da respiração.

O primeiro sinal de libertação acontece quando as pessoas começam a bocejar incessantemente ou arrotar. À medida que o culto continua, muitos tossem descontroladamente ou vomitam. Há os que soltam flatulências e alguns mais hostis são libertos pelos obreiros que utilizam uma jogada de futebol de futebol americano chamado de “tackle”. “Parte disso é doloroso”, disse Goguen. “Mas os demônios precisam sair sob a autoridade e o poder do Senhor Jesus Cristo.”

Em pouco tempo, a sala fica cheia de gente gritando, gemendo e grunhindo. Alguns se contorcem no chão, ordenando que os demônios deixem seus corpos. “Jesus fez [exorcismos] publicamente”, disse Goguen. “Ele não fazia isso a portas fechadas. As pessoas eram curadas e libertas, e todos viam.”

Para o pastor, todo mundo tem demônios e eles podem causar doenças como o câncer ou o vício em drogas. Segundo Goguen, os espíritos malignos podem entrar em alguém através de tatuagens, prática de artes marciais, invocação de espíritos e adivinhação, entre outros “portais”.

“A maioria dos nossos cultos são apenas bons cultos batistas, normais”, explica o pastor. “Até chegarmos ao final, quando muitas vezes precisamos lutar contra os demônios que estão em alguns crentes. Todo mundo tem que se libertar.” E a luta deve ser realmente difícil, uma vez que o próprio pastor por vezes é visto tossindo e vomitando no culto.

O vídeo abaixo mostra um trecho da reportagem da ABC e momentos desses supostos exorcismo realizados na igreja. A matéria está em inglês, mas dá para entender o que acontece:


Como um pastor batista conservador do Sul dos EUA se dá a uma prática tão bizarra como esta? E o que ele aprendeu em seus estudos bíblicos e teológicos no respeitável e tradicional Dallas Theological Seminary? Seus argumentos são, no mínimo, ridículos: "Jesus fez [exorcismos] publicamente", justifica-se o pastor. Mas nas Escrituras não se encontram pessoas endemoninhadas sendo libertas mediante arrotos, bocejos, tosses ou peidos e jogadas de futebol americano.

O Pr. Goguen encontrou uma maneira nada nova de atrair pessoas para sua comunidade, explorando o misticismo já batido no meio neopentecostal. O que virá daí para frente? O uso de objetos como sal, rosas, cruzes sagradas, manada de porcos? É lamentável, simplesmente lamentável.

sábado, 23 de julho de 2011

"Meus herois morreram de overdose"

Nos anos 80, o cantor Cazuza embalava grandes plateias com o sucesso "Ideologia". Talvez a frase mais famosa desta canção seja a que dá título a este post: "Meus herois morreram de overdose". Esta, nada mais era do que o grito representativo de toda uma geração de jovens desiludidos com o mundo e seus rumos, e que buscavam fuga em sexo, drogas e rock'n roll.

Ainda hoje, os "herois" desta geração continuam morrendo, não apenas de overdose, mas também por diversas outras razões ligadas ao estilo de vida desregrado que optaram. Enfermidades decorrentes da AIDS (contraída pelo uso de drogas e relações sexuais promíscuas), câncer de pulmão (devido o uso excessivo de cigarros), doenças do fígado e sufocamento por vômito (devido o abuso de álcool), acidentes automobilísticos (muitas vezes provocados por causa de embriaguês), suicídio, dentre outras razões, têm ceifado a vida de muitos jovens músicos de grande talento e influência entre os jovens.

Fred Mercury, Renato Russo, Cazuza, Janis Joplin, Jimi Hendrix, Cássia Eller, John Bonham, Bon Scott; Kurt Cobain, Michael Hutchence, Elvis Presley, Jim Morrison, Brian Jones. Junta-se a este grupo (e a outros que aqui não foram mencionados) a cantora inglesa Amy Winehouse, encontrada morta em sua casa neste sábado (23/07).

Rapidamente a notícia da morte da rockstar correu o mundo, gerando pesar e lamento em artistas e fãs do mundo inteiro. A morte de Amy trouxe à tona uma triste coincidência: Diversos astros da música se foram exatamente aos 27 anos de idade, numa lista que passa de 40 nomes e que, em sua maioria, morreram, direta ou indiretamente, por problemas em decorrência do uso abusivo de álcool e drogas.

Nas redes sociais (especialmente no Orkut), diversos tributos são prestados a esses ícones musicais, exatamente com essa referência: "Meus herois morreram de overdose". O que mais chama atenção, é que muitos jovens e adolescentes cristãos também sustentam tal afirmação. Este é um sinal de uma triste constatação: Falta referenciais positivos para a juventude cristã contemporânea.

Infelizmente, os péssimos exemplos de algumas lideranças cristãs (especialmente as que estão na mídia), a construção de teologias místicas e mercantilistas que iludem as pessoas com falsas promessas de riquezas e milagres sensacionais, apenas contribuem para a descredibilidade desta liderança por parte não só da juventude, mas de toda comunidade cristã.

Nossos jovens precisam de referenciais positivos. Precisamos de mais homens de Deus. Precisamos de homens comprometidos com o verdadeiro Evangelho de Jesus. Homens que foram chamados não para tomar, mas para compartilhar. Homens que busquem, de fato, fazer a diferença em sua geração, tal como os grandes servos de Deus do passado, para que esta geração não se perca na escuridão de um mundo sem bons paradigmas.

"...torna-te padrão dos fiéis, na palavra, no procedimento, no amor, na fé, na pureza".              1 Timóteo 4.12   

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Em discurso, ex-presidente Lula ironiza passagem bíblica que promete o céu aos pobres

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse durante um discurso que é bobagem acreditar que o pobre só vai ganhar os céus depois da morte, ironizando a passagem escrita em Lucas 18.25 que diz:  "Porque é mais fácil entrar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no reino de Deus”.

Em sua participação no lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar da Bahia 2011/2012 que aconteceu no último dia 21, em Salvador, ele motivou os trabalhadores rurais dizendo que o céu tem que ser aqui na Terra também, dando os operários as mesmas condições de vida dos ricos, que não vão herdar o Reino dos Céus após a morte, mas já desfrutam disso durante a vida.

“Bobagem, essa coisa que inventaram que os pobres vão ganhar o reino dos céus. Nós queremos o reino agora, aqui na Terra. Para nós inventaram um slogan que tudo tá no futuro. É mais fácil um camelo passar no fundo de uma agulha do que um rico ir para o céu . O rico já está no céu, aqui”, disse.

Para ele o pobre que levanta todos os dias para trabalhar também merecia ter condições de comer bem e viajar igual aos ricos. “Porque um cara que levanta de manhã todo o dia, come do bom e do melhor, viaja para onde quer, janta do bom e do melhor, passeia, esse já está no céu. Agora o coitado que levanta de manhã, de sol a sol, no cabo de uma enxada, não tem uma maquininha para trabalhar, tem que cavar cada covinha, colocar lá e pisar com pé, depois não tem água para irrigar, quando ele colhe não tem preço. Esse vai pro inferno”.

Os presentes aplaudiram acaloradamente essas palavras do ex-presidente que pede o céu para os trabalhadores ainda em vida. “Queremos que todo mundo vá pro céu, agora. Queremos ir pro céu vivo. Não venha pedir para a gente morrer para ir pro céu que a gente quer ficar aqui mesmo”, disse.


O Lula é como o Pelé: De boca fechada é um poeta. O populismo do ex-presidente parece que está mais forte do que nunca. Espero que ele seja alcançado pela graça maravilhosa do Senhor e mude esses conceitos humanistas/marxistas. 

A despeito de ser legítimo o desejo de termos uma sociedade mais justa, com oportunidades para todos, a realidade bíblica do céu é uma verdade consoladora para os que hoje padecem algum tipo de sofrimento.

Ateu produz comédia onde interpretará um deus "sacana e arrogante"



O projeto de uma nova série sobre um ateu que morre e vai para o céu nem começou a ser rodado e já está causando polêmica nos Estados Unidos. O principal motivo é que a comédia está sendo escrita pelo ator britânico Ricky Gervais que é um ateu militante.

A comédia “Afterlife” (Depois da Vida) está sendo desenvolvida em parceria com Clyde Phillips, produtor da série Dexter, juntos eles esperam atrair alguma emissora que aceite financiar o seriado.

Alguns ateus militantes achar ruim o fato dele propor a ideia de que Deus existe, e o acusaram de estar “se vendendo”. Gervais se defende dizendo que é só uma obra de ficção e que não tem nada a ver com as suas crenças pessoais.

“Talvez as pessoas estejam mais uma vez, confundindo-me com meus personagens. Interpretei um dentista em ‘Um Espírito Atrás de Mim’, que conversava com fantasmas. Eu não acredito em fantasmas. Mas era um filme, não um documentário… “O Primeiro Mentiroso” tratava de um mundo alternativo onde não Deus não existia. Era uma comédia ateísta também. E, porque eu criei ‘Afterlife’ com Clyde Phillips, estão dizendo que será um festival de sangue e mensagens antirreligiosas. Planejamos esse show porque achamos que vai ser divertido e diferente”, disse.

Os cristãos já estão se manifestando contrários ao projeto porque o comediante vai interpretar Deus, mas o fará de forma diferente, será um Deus arrogante e sacana.

“Será um Deus um pouco diferente do que você pode ter visto em O Todo-Poderoso e outros filmes de Hollywood. Ele é um filho da p***, arrogante e sacana… Na verdade, ele acha que é a melhor coisa que já existiu… Ele também adora levar os ateus para o céu com um sorriso maroto no rosto. No fundo, ele gosta de ateus. Ou melhor, ele gosta de bons ateus . Ele admira o fato de que eles foram pessoas decentes, embora eles não acreditavam que poderiam ser recompensados com a vida eterna”.

Para as pessoas que já começaram a criticar o projeto Gervais pede para que esperem o seriado estrear, pois só quem assisti-lo poderá dar opiniões e até mesmo pedir para que a emissora que comprar cancele a apresentação.

"Sugiro que vocês esperem até ‘Afterlife‘ está acabado, então poderão assisti-lo. Ou não. Se você vê-lo, então está autorizado a ter uma opinião. Você pode alegremente criticá-lo. Pode até começar uma campanha para bani-lo da TV. Você pode odiá-lo… Mas, por favor, esperem até estar pronto”.


Não vou comentar esta idiotice, mas deixo o vídeo abaixo com uma mensagem para pessoas que pensam como este sujeito.


Que Deus tenha misericórdia desse tal Ricky Gervais.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...